Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Brasil
Estradas federais registram 67 mortes e 987 acidentes no feriado de Ano-Novo

Autopista não teve nenhum acidente fatal

Terça, 2/1/2018 15:08.

Publicidade

(FOLHAPRESS/JP3) - A Polícia Rodoviária Federal registrou 987 acidentes em rodovias federais de todo o país durante o feriado de ano novo.

Deste total, 183 foram considerados acidentes graves porque resultaram em pelo menos uma morte ou uma pessoa ferida gravemente. Foram 1.008 feridos e 67 mortos. As informações são da Agência Brasil.

A Operação Rodovida, etapa Ano-Novo, abrange o período entre os dias 29 de dezembro de 2017 e 1º de janeiro de 2018. No ano anterior, o levantamento foi feito entre os dias 30 de dezembro de 2016 e 1º de janeiro de 2017. Nele, foram registrados 1.081 acidentes que resultaram em 1.130 feridos e 87 mortos.

Segundo balanço divulgado nesta terça-feira (2) pela PRF, houve 36.724 flagrantes de excesso de velocidade em rodovias federais. Além disso, 3.208 motoristas foram flagrados fazendo ultrapassagens irregulares.

Neste ano, a fiscalização teve como foco o combate a condutas como ultrapassagens irregulares, excesso de velocidade e direção após o consumo de álcool. De acordo com a PRF, foram emitidos 565 autos de infração para motoristas que dirigiram depois de ingerir bebida alcoólica. Isso corresponde a um flagrante de condutor embriagado a cada 42 testes com bafômetro.

Ainda segundo o levantamento, 1.646 motoristas foram flagrados sem cinto de segurança. A PRF emitiu 257 autos de infração para motociclistas sem capacete, e fez 308 flagrantes de motoristas trafegando com crianças sem cadeirinha.

Aqui na BR-101 nenhum acidente fatal

Entre os dias 29 de dezembro e 1º de janeiro, nenhum acidente grave foi registrado nas rodovias administradas pela Arteris Litoral Sul: BR-116/Contorno Leste, BR-376/PR e BR-101/SC. Nesse período, o movimento foi 44% maior do que o registrado em dias normais, com cerca de 48 mil veículos por dia em cada uma das praças da concessionária.

Em quatro dias, a Arteris Litoral Sul prestou 3.365 atendimentos nas rodovias, sendo que a maior parte dos acionamentos – 1.481 – foram em situações de problemas mecânicos. Além disso, a Concessionária prestou socorro em 189 acidentes, com 31 vítimas leves e nenhuma vítima em estado grave.

Pelo sistema de atendimento via 0800 foram registradas 56 mil ligações, e por meio do perfil no twitter (Arteris_ALS) a Litoral Sul divulgou 192 atualizações com informações de trânsito.

Ainda nesta terça-feira, 2 de janeiro, a concessionária trabalha com expectativa de grande movimento concentrado no retorno do feriado. Até a meia-noite, cerca de 50 mil veículos devem transitar pela praça de São José dos Pinhais (PR) em direção à Curitiba – km 635 da BR-376 – volume 150% maior do que o registrado em uma terça-feira normal.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3

Estradas federais registram 67 mortes e 987 acidentes no feriado de Ano-Novo

Autopista não teve nenhum acidente fatal

Publicidade

Terça, 2/1/2018 15:08.

(FOLHAPRESS/JP3) - A Polícia Rodoviária Federal registrou 987 acidentes em rodovias federais de todo o país durante o feriado de ano novo.

Deste total, 183 foram considerados acidentes graves porque resultaram em pelo menos uma morte ou uma pessoa ferida gravemente. Foram 1.008 feridos e 67 mortos. As informações são da Agência Brasil.

A Operação Rodovida, etapa Ano-Novo, abrange o período entre os dias 29 de dezembro de 2017 e 1º de janeiro de 2018. No ano anterior, o levantamento foi feito entre os dias 30 de dezembro de 2016 e 1º de janeiro de 2017. Nele, foram registrados 1.081 acidentes que resultaram em 1.130 feridos e 87 mortos.

Segundo balanço divulgado nesta terça-feira (2) pela PRF, houve 36.724 flagrantes de excesso de velocidade em rodovias federais. Além disso, 3.208 motoristas foram flagrados fazendo ultrapassagens irregulares.

Neste ano, a fiscalização teve como foco o combate a condutas como ultrapassagens irregulares, excesso de velocidade e direção após o consumo de álcool. De acordo com a PRF, foram emitidos 565 autos de infração para motoristas que dirigiram depois de ingerir bebida alcoólica. Isso corresponde a um flagrante de condutor embriagado a cada 42 testes com bafômetro.

Ainda segundo o levantamento, 1.646 motoristas foram flagrados sem cinto de segurança. A PRF emitiu 257 autos de infração para motociclistas sem capacete, e fez 308 flagrantes de motoristas trafegando com crianças sem cadeirinha.

Aqui na BR-101 nenhum acidente fatal

Entre os dias 29 de dezembro e 1º de janeiro, nenhum acidente grave foi registrado nas rodovias administradas pela Arteris Litoral Sul: BR-116/Contorno Leste, BR-376/PR e BR-101/SC. Nesse período, o movimento foi 44% maior do que o registrado em dias normais, com cerca de 48 mil veículos por dia em cada uma das praças da concessionária.

Em quatro dias, a Arteris Litoral Sul prestou 3.365 atendimentos nas rodovias, sendo que a maior parte dos acionamentos – 1.481 – foram em situações de problemas mecânicos. Além disso, a Concessionária prestou socorro em 189 acidentes, com 31 vítimas leves e nenhuma vítima em estado grave.

Pelo sistema de atendimento via 0800 foram registradas 56 mil ligações, e por meio do perfil no twitter (Arteris_ALS) a Litoral Sul divulgou 192 atualizações com informações de trânsito.

Ainda nesta terça-feira, 2 de janeiro, a concessionária trabalha com expectativa de grande movimento concentrado no retorno do feriado. Até a meia-noite, cerca de 50 mil veículos devem transitar pela praça de São José dos Pinhais (PR) em direção à Curitiba – km 635 da BR-376 – volume 150% maior do que o registrado em uma terça-feira normal.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade