Jornal Página 3
TJSC rejeita processo sobre atuação da Guarda Municipal de Balneário
Daniele Sisnandes/Página3

Após três anos e quatro meses esperando julgamento, o processo movido pela Associação de Oficiais da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Santa Catarina - Capitão Osmar Romão da Silva – ACORS, contra artigos da lei que criou a Guarda Municipal de Balneário Camboriú foi extinto ontem pelo Órgão Especial do Tribunal de Justiça. 

 

O Órgão entendeu, por maioria de votos, que a Acors não tem legitimidade para promover a ação.

 

O pedido era que fosse declarada inconstitucional a atuação da Guarda no policiamento de ruas e do meio ambiente. Dessa forma, sendo inconstitucional ou não, a Guarda Municipal poderá continuar atuando como polícia porque não há nada que a impeça.


Sexta, 4/10/2013 8:20.




Brasil

Rodrigo Rocha Loures, ex-deputado e ex-assessor especial de Temer, também foi denunciado sob a mesma acusação


Cidade

Virada esportiva e cultural está entre as novidades


Policia


Política

Ainda não é a prometida reforma administrativa, mas algumas mudanças já foram feitas


Cidade

Reservatório R2 receberá limpeza


Cidade

Prefeitura não tem esse dinheiro 


Policia

GAECO gravou diálogos que mostram suposta corrupção em troca de apartamentos 


Agora Balneario

Evento será no Sibara Flat


Colunistas

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br