Jornal Página 3
Colunistas
por Saint Clair Nickelle
por Augusto Cesar Diegoli
por Enéas Athanázio
por Marcos Vinicios Pagelkopf
por Caroline Cezar
por Sonia Tetto
Policia

Ele já tinha sido baleado ontem, mas escapou  


Cidade

O clima está tenso entre as forças de segurança há tempos


Policia

 Não é a primeira vez que um guarda municipal armado, fazendo segurança privada fora do expediente, é abordado por PMs.


Justiça

Autores do processo fizeram alegações mentirosas 


Esportes

Lucas Sorín embarca sábado para a China 


Equilíbrio

O assunto ainda rende muitas dúvidas


Cultura

A peça fala sobre meio ambiente e o ingresso é gratuito 


Cultura

A entrada é franca


Policia

Vídeo feito pelos guardas mostra clima tenso em frente à delegacia


Publicidade

Leia a publicação do Convention Bureau 


Tecnologia

A programadora do Página 3 ensina o passo a passo


Barcelona aceita pagar multa de R$ 150 milhões por Paulinho

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O Barcelona aceitou pagar a multa de Paulinho para tirar o jogador do Guangzhou Evergrande. O pagamento da multa foi confirmado pelo técnico Luiz Felipe Scolari, técnico do time chinês, e por representantes do atleta.

Por isso, Paulinho nem foi relacionado para o jogo deste domingo (12). Para que a contratação seja oficializada pelo clube, restam apenas trâmites burocráticos.

O clube espanhol ainda pressiona representantes de Paulinho para contar com o meia Philippe Coutinho, que possui o mesmo representante. O Barcelona quer esforço da parte do estafe do jogador já que se dedicou na contratação do volante.

Para contar com o futebol do jogador da seleção brasileira, o Barcelona desembolsará 40 milhões de euros (aproximadamente R$ 150 milhões). O valor é a multa rescisória do atleta.

A informação da transferência foi publicada em primeira mão pelo jornal Daily Mail. Paulinho já era alvo do Barcelona desde antes da venda de Neymar, mas os chineses estavam resistentes na negociação.

O Barcelona ainda busca uma saída para que a transferência seja feita pelo valor da multa, mas sem a necessidade da rescisão contratual. Desta maneira, ele evitaria alguns impostos.

Ao concretizar a negociação, Paulinho voltará para o futebol europeu, onde não fez muito sucesso. Depois de ser destaque no Corinthians, ele foi para o Tottenham, da Inglaterra, onde jogou entre os anos de 2013 e 2015.

Paulinho é um dos destaques da equipe chinesa comandada pelo técnico brasileiro Felipão. Atualmente, a equipe vermelha defende o título do Campeonato Chinês e a Copa da China, onde recém-classificou para as semifinais.


Sábado, 12/8/2017 21:53.




publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br