Jornal Página 3
Coluna
Mãe na Roda
Por Ana Paula Góis

"Como no seu tempo"

 

Pare de falar para o seu filho como era no seu tempo e comece a olhar para o tempo dele.

Lembrar o passado é legal, ainda mais quando compartilhamos as mesmas lembranças. Juntar os amigos 'das antigas' e dar boas risadas sobre como éramos e sobre as coisas que víamos e fazíamos é prazeroso e curioso. Ver como cada um conta a sua 'versão do evangelho' é muito legal. Trazer as crianças pra escutar estas conversas, para saber da vida em família, das histórias tristes ou engraçadas da sua vida, como era tudo, devia fazer parte do currículo de cada criança.

Mas ficar repetindo para o seu filho como era na sua época, o que você fazia ou deixava de fazer com a idade dele, para ajudar na 'educação' dele, na hora da briga ou da raiva, ou como lição de moral, não ajuda! Ao contrário, afasta. Mostra claramente como vocês são diferentes e como pretendem seguir caminhos completamente separados na vida.

Olhe para o tempo do seu filho, que na verdade é o seu tempo também! Estamos -todos os vivos- vivendo o mesmo dia: hoje! Estou aqui em 13 de janeiro de 2017, e meus filhos também estão, e minha avó materna também está, e só quem não está aqui não pode mais viver o hoje.

Quer ajudar seu filho a cuidar do futuro dele? Cuide do seu presente. Pare de falar sobre como era antigamente e aprenda como é hoje. Viva! Acorde de manhã e se apaixone pela vida que você tem hoje. Viva feliz, escolha alguma coisa que você ame e faça! Dê exemplo de paixão, de amor, de alegria, de vontade e determinação.

Por uma humanidade mais fraterna.
Paz e Bem.

Escrito por Ana Paula Góis, 13/01/2017 às 08h26 | conviteecia@hotmail.com

publicidade





publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br