Jornal Página 3
Coluna
Condomínio Garden City
Por Saint Clair Nickelle

A Viagem

Por ocasião da Missa de Sétimo Dia do falecimento de minha esposa Sandra Maria, em 1997, li, naquela ocasião a seguinte mensagem, por mim redigida:

SOU PASSAGEIRO DE UM TEMPO FINITO,
TENDO EMBARCADO EM 1943, QUANDO,
SEM OPÇÃO, DERAM-ME UMA PASSAGEM SÓ DE IDA.
NÃO LEMBRO DO EMBARQUE,
SEI APENAS QUEM COMPROU O BILHETE.
FOI JOÃO NICKELLE.
QUEM ME EMBARCOU, NO ENTANTO, FOI GRACIOLINDA.
UMA MULHER RUDE E SENSÍVEL, QUE POUCO CONHECI...
ELA DISSE À PASSAGEIRA CELANIRA FALCÃO
QUE EU ATENDERIA PELO NOME DE SAINT CLAIR.

DO INÍCIO DA VIAGEM EU NÃO LEMBRO DETALHES...
APENAS FRAGMENTOS DE PAISAGENS, CHEIROS E SONS...
UM QUEBRA-CABEÇAS QUE JAMAIS CONSEGUI MONTAR,
PARECEM SONHOS QUE UM DIA SONHEI...
PARECE FUMAÇA QUE SE ESVANECEU AO LONGO DA ESTRADA.

DURANTE MUITO TEMPO VIAJEI SÓ.
EM 1966, PAREI NUMA ESTAÇÃO ENCANTADA...
FOI LÁ QUE CONHECI SANDRA E, COM ELA, FORMEI UM PAR.
A VIAGEM NÃO ERA MAIS MINHA, PASSOU A SER NOSSA.
FORAM MOMENTOS INESQUECÍVEIS, CHEIOS DE AMOR,
DÁDIVAS E TRANSFORMAÇÕES...
AMADURECEMOS COMO PESSOAS E COMO CIDADÃOS.

O AMOR NOS FEZ VER AS MESMAS PAISAGENS DE FORMA DIFERENTE...
NELAS OBSERVAMOS DETALHES QUE NÃO PERCEBÍAMOS ANTES...
FIZEMOS NOVAS RELAÇÕES E NOVAS AMIZADES,
PASSAGEIROS QUE PASSARAM A COMPARTILHAR CONOSCO...
AS COISAS BOAS...AS INCERTEZAS E AS ESPERANÇAS.

NA ESTAÇÃO DE 1969, EMBARCAMOS A SABRINA.
A MENINA DOS NOSSOS SONHOS,
QUE PASSOU A NOS ACOMPANHAR EM TODOS OS MOMENTOS.
BREJEIRA E SAPECA NOS PROPORCIONOU O DESAFIO DO PÁTRIO PODER,
COISA JURÍDICA, QUE PENSÁVAMOS SER, TÃO-SOMENTE, AFETIVA.

NA ESTAÇÃO DE 1973 EMBARCAMOS O MICHEL...
OUTRO PASSAGEIRO QUERIDO, QUE MUITO DESEJÁVAMOS.
O CASAL DE FILHOS TORNOU NOSSA VIAGEM MENOS ROTINEIRA,



BASTARIA AMÁ-LOS,
ORIENTÁ-LOS,
EDUCÁ-LOS E,
DEIXAR-LHES SEGUIR EM FRENTE,
QUANDO, ENTÃO, PODERÍAMOS DESEMBARCAR PARA SEMPRE.

NA ESTAÇÃO DE 1997, NO ENTANTO, UM INFORTÚNIO FEZ SANDRA
DESEMBARCAR INTEMPESTIVAMENTE, DEIXANDO-NOS.
FOI UM MOMENTO MUITO DIFÍCIL,...PENOSO PARA SER ACEITO,
INSUPORTÁVEL PARA SER ESQUECIDO.

HOJE, PASSADOS ALGUNS ANOS, DEIXAMOS NAQUELA ESTAÇÃO,
GRANDE PARTE DOS NOSSOS SONHOS,
COISAS QUE GOSTARÍAMOS DE TER REALIZADO...

A PAISAGEN PERDEU O COLORIDO DE OUTRORA E,
OS OLHOS CHORARAM MUITAS VEZES.
AGORA OS OLHOS JÁ NÃO CHORAM TANTO,
MAS O CORAÇÃO SIM,
ÀS VEZES SOLUÇA QUIETINHO EM SILÊNCIO,
MAS, NÃO HÁ NADA QUE SE POSSA FAZER E,
SERIA COVARDIA QUERER DESCER ANTES DO TEMPO,
ALGUNS SOFRERIAM COM ISTO.

DESCER DESSA VIAGEM É UMA QUESTÃO INDIVIDUAL, MAS
CONTINUAR É UM COMPROMISSO COLETIVO, PORTANTO
SÓ ME RESTAVA SEGUIR A VIAGEM...
NÃO HÁ PASSAGEM DE VOLTA.

AS NOVAS ESTAÇÕES TALVEZ TRAGAM LEMBRANÇAS,
TALVEZ ESPERANÇA,
QUEM SABE UMA NOVA COMPANHIA.

SEI AGORA, QUE NÃO FOI NAQUELA ESTAÇÃO QUE
IMAGINEI DESCER...

MAS, SEI TAMBÉM QUE,

QUANDO DESCER,

A ENCONTRAREI JOVEM E RADIANTE
COMO A CONHECI.
 

Escrito por Saint Clair Nickelle, 08/12/2016 às 11h31 | sannickelle@gmail.com

publicidade





publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Fale Conosco - Anuncie neste site - Normas de Uso
© Desenvolvido por Pagina 3

Endereco: Rua 2448, 360 - Balneario Camboriu - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br