Jornal Página 3
Coluna
Dedo na Moleira
Por Waldemar Cezar Neto

65.0, marca alcançada

Ontem subi na balança e constatei que estou pesando 65 quilos, o peso que tive a maior parte da vida.

Foram 16 semanas de reeducação alimentar para perder 18 quilos, sem deixar de comer, mas comendo alimentos que estavam liberados pela nutricionista, a Carol.

Deixei de comer doces, produtos feitos com farinha de trigo e beber fermentados, inclusive cerveja.

Por outro lado me fartei de carnes, saladas, alguns tipos de queijos e um pão que eu e a Lisi desenvolvemos aqui em casa com ingredientes permitidos.

Desde a semana passada voltei a comer de tudo, mas com outra cabeça e por isso não ganhei peso.

Alguns hábitos vou incorporar para o resto da vida:

- Substituir rotineiramente o arroz por quinoa, deixando o arroz para ocasiões especiais;

- Limitar o consumo de doces e banir o açúcar;

- Continuar comendo o pão caseiro cuja receita passo aos leitores mais abaixo.

- Comer de três em três horas.

Hoje de manhã passei lá na clínica Magrass para agradecer às meninas, elas são profissionais engajadas, ajudam na transição que às vezes pesa porque vem a vontade de comer goiabada com queijo.

Ai, goiabada com queijo... talvez uma vez por semana.

Receita do pão da Lisi

3 colheres de sopa de farelo de trigo; 1 colher de sopa de farelo de aveia; 1 colher de sopa de PIS proteína isolada de soja; 1 colher de linhaça dourada; sal; azeite; 1 ovo; 3 colheres de sopa de iogurte natural. Mexer tudo e por fim acrescentar 2 colherinhas de fermento Royal. Colocar em e assar durante 4 minutos no micro-ondas.
 

Escrito por Waldemar Cezar Neto, 19/09/2017 às 12h24 | waldemar@camboriu.com.br

publicidade





publicidade









Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br