Jornal Página 3
Colunistas
por Saint Clair Nickelle
por Augusto Cesar Diegoli
por Enéas Athanázio
por Marcos Vinicios Pagelkopf
por Caroline Cezar
por Sonia Tetto
Esportes

Lucas Sorín embarca sábado para a China 


Equilíbrio

O assunto ainda rende muitas dúvidas


Cultura

A peça fala sobre meio ambiente e o ingresso é gratuito 


Cultura

A entrada é franca


Policia

Vídeo feito pelos guardas mostra clima tenso em frente à delegacia


Publicidade

Leia a publicação do Convention Bureau 


Tecnologia

A programadora do Página 3 ensina o passo a passo


Klaus Fischer: 88 anos, um título e um livro
Bola Pereira
O prefeito Fabrício, o homenageado Klaus, o presidente do Legislativo Roberto e o jornalista Bola
O prefeito Fabrício, o homenageado Klaus, o presidente do Legislativo Roberto e o jornalista Bola

“Estou orgulhoso pelos anos que vivo em Balneário Camboriú onde me sinto em casa”. Foi assim que Klaus Fischer agradeceu a todos que participaram da sessão solene, realizada terça-feira (18) em que recebeu o título de Cidadão Honorário. Neste dia, ele completou 88 anos e festejou o lançamento do livro ‘Quem sou eu – A saga da família Fischer’, escrito pelo jornalista Bola Teixeira.

O prefeito Fabrício Oliveira e o vice-prefeito Carlos Humberto Metzner Silva participaram da sessão, comandada pelo presidente do Legislativo Roberto Souza Junior.

Fabrício contou que esteve há poucos dias em um restaurante em São Paulo, conversou com o dono que elogiou Balneário Camboriú e falou que vinha veranear com a família e hospedava-se no hotel Fischer.

“Balneário é objeto de desejo no país e fora dele, é onde as pessoas querem passar as férias, querem envelhecer e muitas vezes não nos damos conta que a cidade hoje é isso tudo por causa de pessoas como Klaus Fischer e o legado que ele nos deixou”, disse o prefeito.

Todos os vereadores homenagearam o homem que construiu o primeiro hotel da praia, em 1957, quando não existia nada na região sul da praia.

Muitos deles tiveram ligação direta com a família Fischer, como o vereador Bola que foi garçom no restaurante do hotel e o vereador Pedro Francez que apanhou milhares de limões no sítio para seu pai levar de carroça até a praia para abastecer o hotel.

Klaus chegou em 1953 e quatro anos depois construiu o hotel Fischer que nos 50 anos seguintes tornou-se um dos mais importantes da praia.

O jornalista Bola Teixeira disse que foi um dia muito emocionante e especial. “Fechou com chave de ouro todo o projeto e só tenho é que agradecer a família Fischer e ao Roberto Souza Junior pelo empenho para que a festa acontecesse com a unanimidade de respaldo dos vereadores”, declarou.


Quarta, 19/4/2017 11:48.




publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade

Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br